Crédito imobiliário atinge R$ 17 bi em maio, alta de 49,2%, aponta Abecip

Na comparação com maio do ano passado, no entanto, houve queda de 2,5%

Os financiamentos imobiliários com recursos das cadernetas do Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo (SBPE) atingiram R$ 17 bilhões em maio de 2022, alta de 49,2% ante abril, segundo a Abecip, associação das instituições que oferecem essa modalidade de crédito. Na comparação com maio do ano passado, no entanto, houve queda de 2,5%.

De acordo com a entidade, trata-se do melhor resultado de 2022 até o momento e o segundo melhor para um mês de maio na série histórica.

Nos primeiros cinco meses de 2022, o volume financiado somou R$ 69,65 bilhões, queda de 10% em relação ao mesmo período do ano passado. Nos 12 meses encerrados em maio, o montante financiado acumulou R$ 197,68 bilhões, alta de 18,2% em relação ao intervalo anterior.

Em unidades, foram financiados em maio, nas modalidades de aquisição e construção, 71,7 mil imóveis, melhor resultado do ano e 58% maior que o número de abril, diz a Abecip. Entretanto, comparado a maio de 2021, foi registrada queda de 2,1%.

Nos cinco primeiros meses de 2022 foram financiados 293,06 mil imóveis com recursos da poupança do SBPE, resultado 11,7% inferior ao de igual período de 2021.

Nos 12 meses encerrados em maio de 2022, foram financiados 827,63 mil imóveis com recursos da poupança do SBPE, resultado 31,2% superior ao dos 12 meses anteriores.

A poupança SBPE de maio, segundo o levantamento da Abecip, registrou captação líquida positiva pela primeira vez no ano (R$ 1,01 bilhão). “O resultado reflete a sazonalidade verificada no período, que indica prevalência de desempenho positivo em 54% dos meses de maio dos últimos 28 anos. Foi, ainda, o 10º melhor resultado para um mês de maio na série histórica.”

“A captação líquida positiva, juntamente com o crédito de rendimentos, propiciou elevação do saldo da poupança SBPE de 0,7% em maio deste ano em relação ao mês anterior. No entanto, comparado a maio do ano passado, registrou queda de 1,1%.”

A entidade destaca que, apesar dos indicadores positivos de maio, a captação acumulada em 2022 mostrou saídas líquidas de R$ 37 bilhões.

A Abecip ressalta que, devido à greve dos servidores do Banco Central, os resultados da poupança de abril e maio ainda não foram divulgados oficialmente. Dessa forma, foram utilizados os dados da pesquisa da Abecip.

Fonte: Valor Investe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *